terça-feira, 7 de abril de 2009

Mar adentro - Viana do Castelo (5)


Na rota da pesca,
a frota Vianense e as novas Empresas
1925 - 1930

Chegados ao segundo lustre da década, encontravam-se matriculados para o serviço de cabotagem, os seguintes navios :

O lugre “Fernanda” ex “Galicia”, de 116 toneladas, construído em 1918, em Noya (Galiza), o lugre “Senhora das Areias”, ex “Villalonga”, de 120 toneladas, construído em 1920, no estaleiro de Noya-Obrés (Galiza), as chalupas “Dina”, de 65 toneladas e “Rachel”, de 72 toneladas, ambas construídas por António Luiz Sobral, em Viana, todos estes navios da propriedade de Bernardo Pinto Abrunhosa.

O iate “Covão Iº”, ex “Rio Coura”, de 88 toneladas, construído por Manuel Ferreira Rodrigues, em 1920, no estaleiro de Caminha, em nome de Possidónio Gonçalves Covão & Irmão, Lda. O mesmo armador adquiriu em 1927 a chalupa “Covão IIº”, ex “Sarah da Luz”, de 91 toneladas, construída em 1921, em Vila do Conde, que pertencia a Duarte Correia & Cª., Lda., encontrando-se registada na praça da Figueira da Foz. Este mesmo navio foi vendido novamente, em 1928, a Simão Gonçalves Covão, mantendo a matricula em Viana, sendo rebaptizado com o nome “Elvira Covão”.

Ainda em 1928 foi igualmente matriculado o iate “Famalicão III”, de 101 toneladas, de madeira, construído por José Dias dos Santos Borda Júnior, em Esposende, lançado à água no dia 1 de Setembro de 1921. Ficou registado em nome da Sociedade de Construções e Pesca, Lda., tendo pertencido a Brandão & Cª., com registo no Porto.

Durante este período registam-se os naufrágios do iate “Covão Iº”, por ter encalhado a Sul de Casablanca, onde se desfez, a 3 de Julho de 1929 e do iate “Famalicão III”, devido a temporal, quando se encontrava próximo à costa, na posição 41º00’N 09º22’W, em 22 de Abril de 1930. A tripulação foi salva pelo vapor Francês “Villers”.

Em relação à frota bacalhoeira, foram armados 5 navios que já tinham participado na campanha anterior. Em 1926 é dada por extinta a Companhia Marítima de Transportes e Pesca, Lda., para dar lugar à Empresa de Pesca de Viana, que opera o mesmo navio, isto é o lugre “Santa Luzia II”. Em 1927 foi consumada a venda do lugre “Estrela I” a novo armador, que lhe mudou o nome para “Maria Carlota”. Em 1928, depois do naufrágio do lugre “Santa Luzia II”, a Empresa de Pesca de Viana, de imediato procedeu à sua substituição por um novo “Santa Luzia”, ex “Neptuno”, que se encontrava matriculado na praça da Figueira da Foz.

Lugre “Estrela I”
1922 - 1927

Armador : Emp. de Pesca Estrela de Portugal, Lda., V. do Castelo
------------------
Nº Oficial : 75 > Iic.: H.E.L.A. > Registo : Viana do Castelo
Construtor : N. S. M. Leary, Daispring, Nova Escócia, 1918
ex “Margaret Moulton”, Moulton, St. Johns, T. Nova, 1918-1918
ex “Boa Sorte”, Pesc. Vilacondense, Lda., Porto, 1919-1922
Tonelagens : Tab 189,10 to > Tal 140,45 to
Comprimentos : Pp 41,00 mt > Boca 8,30 mt > Pontal 3,75 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : (x) tripulantes
Capitães embarcados : Manuel Pereira Ramalheira (1926)
Vendido em 1927 ao Dr. Nuno Freire Themudo, conserva o registo em Viana do Castelo, mas muda o nome para “Maria Carlota”.

Lugre “Estrela II”
1922 - 1934

Armador : Emp. de Pesca Estrela de Portugal, Lda., V. do Castelo
------------------
Nº Oficial : 76 > Iic.: H.E.S.L. > Registo : Viana do Castelo
Cttor.: António Dias Santos Linhares, Fão, lançado 05.06.1921
ex “Águas Celenas”, Sociedade Fãozense, Porto, 1921-1922
Tonelagens : Tab 213,03 to > Tal 171,18 to
Comprimentos : Pp 37,20 mt > Boca 8,73 mt > Pontal 3,52 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : (x) tripulantes
Capitães embarcados : Manuel Pereira Ramalheira (1926 a 1928)

Iate “ Estrela III “
1923 -1930

Armador : Emp. de Pesca Estrela de Portugal, Lda., V. do Castelo
------------------
Cttor.: José Dias dos Santos Borda Júnior, Fão, lançado 05.1920
ex “Atlântico”, Parceria Marítima Douro, Porto, 1920-1923
Nº Oficial : 77 > Iic.: H.E.S.M. > Registo : Viana do Castelo
Tonelagens : Tab 141,51 to > Tal 97,01 to
Comprimentos : Pp 34,95 mt > Boca 7,79 mt > Pontal 3,38 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : (x) tripulantes
Capitães embarcados : Joaquim Marques Machado Júnior (1926), João d’Oliveira (1927) e António Oliveira da Velha (1930)
Vendido à Empresa Marítima Sagres, Lda., em 1930, armou em lugre, mudou o nome para "Avé Maria" e alterou o registo para a praça de Portimão.

Lugre “ Gaspar ”
1919 – 1948

Armador : Soc. Novas Pescarias de Viana, Lda., V. do Castelo
---------------
Nº Oficial : 71 > Iic.: H.G.A.P. > Registo : Viana do Castelo
Cttor.: Manuel M. B. Mónica, Cabedelo, F. Foz, lançado 24.08.1919
ex “Sarah”, Nápoles, Pinto Basto & Cª., Lda., F. Foz, 1919-1919
Tonelagens : Tab 317,68 to > Tal 245,81 to
Comprimentos : Pp 43,35 mt > Boca 8,80 mt > Pontal 4,23 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : 39 tripulantes
Capitães embarcados : Jacob d’Oliveira Mendes (1926 a 1928) e Manuel d’Oliveira Mendes (1929 e 1930)

Lugre “ Rio Lima ”
1920 – 1951

Armador : Comp. Marít. Transportes e Pesca, Lda., V. do Castelo
---------------
Nº Oficial : 69 > Iic.: H.R.L.I. > Registo : Viana do Castelo
Cttor.: José Lopes Ferreira Maiato, Viana, lançado 22.01.1920
Tonelagens : Tab 317,33 to > Tal 264,42 to
Comprimentos : Pp 48,00 mt > Boca 9,80 mt > Pontal 4,47 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : 41 tripulantes
Capitães embarcados : João Francisco Grilo (1926 e1927), José Grilo (1928) e João Francisco Grilo (1929 e 1930)

Lugre “ Santa Luzia II”
1926 – 1928

Armador : Empresa de Pesca de Viana, Viana do Castelo
---------------
Nº Oficial : 70 > Iic.: H.S.L.I. > Registo : Viana do Castelo
Cttor.: José Lopes Ferreira Maiato, Viana, lançado 10.04.1921
Tonelagens : Tab 325,99 to > Tal 261,92 to
Comprimentos : Pp 48,10 mt > Boca 9,93 mt > Pontal 3,90 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : 43 tripulantes
Capitães embarcados : João Pereira Cajeira (1926 e 1927)
Naufragou por encalhe à entrada da barra de Viana, após ter chegado da viagem dos bancos da Terra Nova, em 21 de Outubro de 1928.

Lugre “ Maria Carlota “
1927 – 1934

O "Maria Carlota" na Figueira - foto de autor desconhecido

Armador : Dr. Nuno Freire Themudo, Viana do Castelo
------------------
Nº Oficial : 75 > Iic.: H.M.C.T. > Registo : Viana do Castelo
Construtor : N. S. M. Leary, Daispring, Nova Escócia, 1918
ex “Margaret Moulton”, Moulton, St. Sohns, T. Nova, 1918-1918
ex “Boa Sorte”, Pesc. Vilacondense, Lda., Porto, 1919-1922
ex “Estrela I”, Emp. de Pesca Estrela de Portugal, 1922-1927
Tonelagens : Tab 189,10 to > Tal 140,45 to
Comprimentos : Pp 41,00 mt > Boca 8,30 mt > Pontal 3,75 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : (x) tripulantes
Capitães embarcados : Manuel Pereira Ramalheira Júnior (1927 e 1928), e Alexandre Simões Ré (1929 e 1930)

Lugre “ Santa Luzia “
1929 – 1936

O lugre "Santa Luzia" - foto de autor desconhecido

Armador : Empresa de Pesca de Viana, Viana do Castelo
---------------
Nº Oficial : 86 > Iic.: H.S.A.L. > Registo : Viana do Castelo
Cttor.: Joaquim José Honrado, S. Martinho do Porto, 1922
ex “Neptuno”, Soc. Pesca do Bacalhau, F. Foz, 1922-1929
Tonelagens : Tab 335,83 to > Tal 250,32 to
Comprimentos : Pp 41,14 mt > Boca 9,99 mt > Pontal 4,42 mt
Máquina : Não tinha motor auxiliar
Equipagem : 43 tripulantes
Capitães embarcados : João Pereira Cajeira (1929) e Achilles G. Bilelo (1930)

Sem comentários:

Publicar um comentário